Crítica – Minha Mãe É uma Peça 3 (2019)

minha mae é uma peça 3

Desbocada de coração de ouro

 Paulo Gustavo pela terceira vez imita sua mãe com maestria em uma trama ainda extremamente engraçada. Dessa vez a rainha do lar Dona Hermínia (Paulo Gustavo) encontra-se entediada e sozinha sem ter o que fazer após o filho caçula, Juliano (Rodrigo Pandolfo), e a filha, Marcelina (Mariana Xavier) terem saído de casa. A filha está grávida e virou naturalista residindo em um lugar arborizado afastado da civilização, enquanto o filho gay deu a ela de presente grego uma sogra socialite ricaça (Stella Maria Rodrigues) após anunciar o casamento com o filho dela. Minha Mãe É uma Peça 3 ignora o politicamente correto chato com criticas e elogios às minorias, estereótipos, religiões e profissões sem polarizações secretárias de moral seletiva como na música de John Lennon: Imagine.

Minha Mãe É uma Peça 3. Direção: Susana Garcia. Comédia. (Brasil, 2019, 105min). 12 anos.Nota 3,0.

Nota - 03

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s