Crítica – Depois do Casamento (2019)

depois do casamento

Família por acidente

  Vez por outra Hollywood americaniza um grande sucesso “estrangeiro” a exemplo de Intocáveis, Glória e Não Aceitamos Devoluções. A bola da vez é o remake homônimo do comovente longa dinamarquês Depois do Casamento (Efter Brylluppet de 2006), aqui protagonizado por mulheres em vez de homens e sem os rápidos e tensos closes no rosto das pessoas e dos objetos. Na trama, Isabel (Michelle Williams) gerencia um orfanato em Calcutá, na Índia, desesperada por patrocínio para mantê-lo funcionando. Isso até uma nova iorquina multimilionária oferecer ajuda financeira. Chegando ao local no intuito de fechar negócio descobre ter inusitados laços indiretos com a hiperativa Theresa (Julianne Moore). Vale a pena conferir quem não viu ou não se lembra do original.

Depois do Casamento. Direção: Bart Freundlich .Drama.(After the Wedding, EUA, 2019, 112min). 12 anos. Nota : 3,0.

Nota - 03

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s