Obsessão (2018)

Greta

Nova psicopata feminina

  Após perder a mãe, a jovem Frances (Chloë Grace Moretz) decide se mudar para Nova York, onde faz amizade com a viúva moradora do mesmo prédio Greta (Isabelle Huppert). Pela notória carreira das atrizes e os acordes de terror diante da presença da notória vilã, o diretor Neil Jordan deixa claro desde os primeiros minutos a atuação antagônica das duas. O roteiro falho e premeditado não prejudica tanto a “Obsessão” pela competência das atrizes, mas deixará o público dividido. Nasce uma nova psicopata no cinema, mistura de Alex Forrest (Atração Fatal) e Max Cady (Cabo do Medo), versão com Robert De Niro em 1991 ou  Robert Mitchum em 1962, que também fez O Mensageiro do Diabo em 1955, unindo-se ao seleto grupo de: Peyton Flanders (A Mão Que Balança o Berço), Esther (A Órfã), Coringa, Jack Torrance (O Iluminado), Alex DeLarge (Laranja Mecânica), Hannibal Lecter (O Silêncio dos Inocentes) e Norman Bates (Psicose).

Obsessão. Direção: Neil Jordan. Terror. (Greta, Irlanda/EUA, 2018, 98min). 14 anos.Nota: 3,0.

Nota - 03

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s