As raças de Homens de ouro

Hércules e outros heróis Helênicos

Hesíodo, Os Trabalhos e os Dias, tradução de Mary de Camargo Neves Lafer. São Paulo: Iluminuras, 1990.

Pandora foi quem iniciou a degradação da Humanidade.

Para Explicá-la, Hesíodo indroduz o mito das Cinco Eras.

No mito das Eras, as raças parecem suceder-se segundo uma ordem de decadência progressiva e regular.

De início, a humanidade gozava de uma vida paradisíaca, muito próxima da dos deuses, mas, se foi degenerando e decaindo até atingir a Era ou Idade do Ferro, em que o poeta lamenta viver, pois nesta tudo é maldade: até a Vergonha e a Justiça abandonaram a Terra.

Cada uma das Idades está “aparentada” com um metal, cujo nome toma e cuja hierarquia se ordena do mais ao menos precioso, do superior ao inferior: Ouro, Prata, Bronze, Ferro.

O que surpreende é que Hesíodo tenha intercalado entre as duas últimas mais uma: – a Era dos Heróis, que não…

Ver o post original 470 mais palavras

Anúncios