Ghost In The Shell S.A.C. – O Individual e o Coletivo: do Efeito Copycat ao Stand Alone Complex

"É Só Um Desenho"

Sem título “Major” Kusanagi Motoko, líder de operações da Seção 9

Originalmente publicado na revista Weekly Young Magazine, em 1989, o mangá de Masamune ShirowKōkaku Kidōtai, daria início à franquia que ficaria mundialmente conhecida pelo seu subtítulo: The Ghost In The Shell. Acumulando diversas adaptações, do cinema aos vídeo games, este post se focará sobretudo na série animada, Ghost In The Shell: Stand Alone Complex, escrita e dirigida por Kenji Kamiyama e produzida pelo estúdio de animação Production I.G. Na série, que teve sua primeira temporada em 2002 e a segunda em 2004, acompanhamos os agentes do Setor 9 de Segurança Pública do Japão, uma unidade especializada em contra-atacar atentados de cyber-terrorismo. Ambientada no Japão de meados do século XXI, onde a integração entre o corpo humano biológico e as máquinas chegou a níveis nunca antes vistos, a série foi geralmente bem recebida, sendo criticamente aclamada desde por…

Ver o post original 2.925 mais palavras

Anúncios