Cinema. Estreias da Semana.18.03.16

cinema.18.03

Zootopia não é utopia é realidade – Crítica AQUI

De forma didática e pedagógica aos olhos e compreensão de todos ,principalmente das puras criancinhas espectadoras, o novo longa da Disney retrata a nefasta  fase sociopolítica que vivemos hoje no planeta.

zootopia-pôster

Nos EUA temos Donald Trump e sua retórica fascista neoliberal;a crise da imigração na Europa;a falta de aptidão,  competência e credibilidade dos políticos e funcionários públicos em geral no Brasil e no mundo;o combate á corrupção, aos preconceitos e estereótipos;a segregação seletiva (apartheid) e a desigualdade social estão em Zootopia, protagonizados por Judy ao lado de sua amiga raposa, discriminada por ser a única coelha policial de lá.  Zootopia – Essa cidade é o bicho.(Zootopia, EUA, 2016), de Byron Howard, Rich Moore.Animação.108 min.Livre.

12525571_1720957711473798_4489177249886597130_o

Trindade nem um pouco santa

A primeira metade dos 13 episódios da segunda temporada de Demolidor, liberada gentilmente á Gazeta de Pinheiros pela Netflix, conseguiu manter o alto nível da anterior e promete ser novamente uma das melhores séries de TV do ano.Na trama, a Cozinha do Inferno tornou-se um território anárquico após a prisão do Rei do Crime que dominava o local. Eis que surge um perturbado Justiceiro (Jon Bernthal.) exterminando sumariamente os mafiosos irlandeses e a gangue de motoqueiros do bairro. Matt Murdock ,o Demolidor ( Charlie Cox ) tentará impedi- lo na pele do herói mascarado e defendê-lo como advogado de manhã com a ajuda dos colegas Karen Pege (Deborah Ann Woll) e Foggy Nelson (Elden Henson ). Ao mesmo tempo,  sua antiga namorada de colégio  Elektra (Elodie Yung) retorna a cidade subitamente – a cliente ideal para salvar o escritório de advocacia da falência. Na verdade, Matt quer distância da ninja assassina , mas a sintonia entre os dois será inevitável para a formação da tão esperada trindade. A série estreou hoje (18), somente na Netflix. Nota :5,0.Nota - 05

038972.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxx

Todos animais merecem o céu

A carrocinha sempre foi sinônimo de terror  contra nosso melhor amigo, transformando-o outrora em sabão.No Brasil até 2007 a eutanásia canina era indiscriminada.Por isso, muitas carrocinhas são apedrejadas e  metralhadas até hoje,conta o diretor Marcos Jorge (Estômago) durante a coletiva de imprensa acompanhada pela Gazeta de Pinheiros.Em seu mais novo trabalho ambientado antes de 2007 , um desses profissionais  (Babu Santana) ao lado da equipe de funcionários públicos  acaba sacrificando um rottweiler sadio pertencente a um assassino corrupto (Lázaro Ramos) três dias depois ; o  que coloca  sua vida e a de sua família em risco. Com Adriana Esteves.Mundo Cão (Brasil, 2014), de Marcos Jorge.Comédia Dramática.122 min.14 anos. Nota :3,5. 

Nota - 3,5

426473.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxx

O que seria do cristianismo caso encontrassem o corpo de Jesus?

O fascínio da mitologia hebraica vem de suas 70 faces; muito deturpada hoje em razão das tendenciosas interpretações  cheia de misticismo e politicagem gerando auto-contradições bíblicas. Até que enfim um filme coerente  e imparcial com ares de documentário cujo objetivo é investigar o  paradeiro do corpo de Jesus após a sua morte ,o que acabaria com todo  fascínio do grande líder para a maioria das religiões(caso o encontrassem) ,cujo foco são os milagres e não o conteúdo dos ensinamentos. Aqui fica evidente que ele  tornou-se um Espirito após a ressurreição; o primeiro Cristo com cara de judeu, um mero coadjuvante, simples e discreto como deveria ser sempre nas telonas. Um dos melhores filmes sobre o tema. Com Joseph Fiennes. Ressurreição (Risen, EUA, 2015), de Kevin Reynolds.Drama.107 min.12 anos. Nota :3,5.

Nota - 3,5

182175.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxx

Milagres do amor

Freiras abnegadas em um internato tem a árdua tarefa de cuidar de crianças mudas. Destaque para  Marie Heurtin, uma surda-muda cujo comportamento é análogo a de um primata em forma de gente a quem a irmã Marguerette se oferece para civilizar.Através da pedagogia,  amor e muita  paciência Marie vai sendo domada aos poucos para no final suceder sua segunda mãe .Baseado em uma história real ocorrida na França no final do século XIX.A linguagem do coração.(Marie Heurtin, França, 2014), de Jean-Pierre Améris.95 min.Livre.Nota :3,5.Nota - 3,5

cemetery-of-splendour_t76821_lKgv6Il_jpg_290x478_upscale_q90

 Cemitério do esplendor

Soldados com uma misteriosa doença do sono são transferidos para um hospital provisório instalado em uma antiga escola abandonada. Jenjira torna-se voluntária para tratar de Itt, um belo soldado que ninguém vem visitar. No hospital, ela faz amizade com a jovem médium Keng que utiliza os seus poderes para ajudar os parentes a se comunicarem com os homens adormecidos. Um dia, Jenjira encontra o diário de Itt preenchido com palavras e desenhos estranhos. Talvez haja uma conexão entre a síndrome enigmática dos soldados e o mítico local em que o hospital se encontra. (Rak ti Khon Kaen, Tailândia, Reino Unido, Alemanha, França, Malásia, 2015), de Apichatpong Weerasethakul .Drama. 122 min

captura_de_tela_2015-11-10_as_15.28.35

Eu sou Carlos Imperial

Documentário que conta a trajetória de Carlos Imperial, figura lendária da cultura brasileira, através de seu peculiar filtro brincalhão, mulherengo e polêmico. (Brasil, 2013], de Renato Terra, Ricardo Calil.90 min.18 anos.