Cinema.Estreias da Semana.11.03.16

estreias.11.03.16

Admirável mundo chato

Descobriu-se que a guerra entre facções era inútil já que do outro lado do grande e mistico muro- revelado no filme anterior- todas elas eram monitoradas e controladas   por uma  grande organização muito mais poderosa militarmente e tecnologicamente. Logo se estabelece uma  única divisão  tácita entre selvagens e        civilizados  semelhante ao clássico de  Aldous  Huxley Admirável Mundo Novo. Acolhida lá, Tris (Shailene Woodley descobre que é a única Pura entre os Divergentes tendo assim que se separar de Quatro (Theo James) para ser melhor estudada. Por fim, a franquia que até começou bem tornou-se entediante porque  não soube se sustentar (inovar), sobretudo neste terceiro ato que só se destaca pelo belo visual futurista  e pelos drones e  artefatos de plasma. A série Divergente – Convergente (The Divergent Series: Allegiant, EUA, 2016), de Robert Schwentke.Aventura. 121 min.12 anos. Nota :2,0.

Nota - 02

595673.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxx

Não é a mamãe ?

Após ter o rosto desfigurado em um acidente de carro a mãe (Susanne Wuest) de dois garotos gémeos( Lukas Schwarz, Elias Schwarz) fica irreconhecível cheia de ataduras  causando desconfiança sobre sua verdadeira identidade. Durante o período pós- operatório abate um clima tenso e sombrio  no casarão afastado da cidade onde moram.Indicado pela Áustria ao Oscar 2016 o primeiro grande filme de terror do ano conta com uma trama envolvente e um final surpreendente.Quem será que está com a razão afinal?99 min.16 anos. Boa Noite, Mamãe (Goodnight Mommy, Áustria, 2015), de Veronika Franz, Severin Fiala Terror. 99 min.16 anos. Nota :3,5.Nota - 3,5

everything-will-be-fine03

A difícil arte de perdoar

Um acidente fatal em  formato 3D rodado na bela e gélida paisagem canadense  foi o estopim para o fim do relacionamento entre Tomas (James Franco) e  Sara( Rachel McAdams); cicatrizes que acabaram unindo o escritor á mãe (Charlotte Gainsbourg) e único irmão da vítima. Um homem emburrado,  taciturno por natureza que enfrenta sérios  problemas de alcoolismo ,constitui uma nova família anos depois sem esquecer o passado tenebroso que martela diariamente  sua mente arrependida.Situação que poderia ser facilmente resolvida caso ele soubesse o valor de um abraço sincero.Tudo vai ficar bem(Every Thing Will Be Fine, Alemanha, Canadá, França, Suécia, Noruega, 2015), de Win Wenders ( Pina).Drama.118 min. 14 anos.Nota :3,0Nota - 03

538461.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxx

 A fé que move montanhas

No tempo de Jesus toda casta religiosa das 12 tribos de Israel eram identificadas por montanhas. O jargão acima seria algo tão difícil de se concretizar literalmente e religiosamente, quanto a  Igreja Renascer unir-se a Igreja Universal do bispo Macedo.A trama é uma fantasia dentro da cruel realidade da Segunda Guerra Mundial ao estilo A Vida é Bela; tudo para não estragar os sonhos de um  pequeno menino grande e corajoso (Jakob Salvati), ansioso para ter seu pai e herói de volta da guerra. Nesta incrível jornada ele luta contra os próprios preconceitos, no caso o japonês vizinho ofendido diariamente naquela pequena comunidade carregando sozinho a culpa pela rivalidade dos compatriotas  contra os norte- americanos, semelhante ao eterno fardo de Adão e Eva por terem cometido o Pecado Original.As cinco lições do filme : Acreditar no impossível, não distinguir inimigos,transformar os outros, perdoar sempre, buscar a sorte através de boas vibrações.Little boy – Além do impossível.(Little boy, EUA, México, 2016), de Alejandro Monteverde .106 min. 12 anos. Nota :3,0Nota - 03

O Muro da Amizade
1957. Albertine, uma jovem de dezenove anos, pula da muro da prisão onde está cumprindo pena e acaba se machucando na queda, quebrando um osso do pé conhecido como astrágalo (ou tálus). Ela recebe a ajuda de Julien, que consegue abrigar a moça na casa de um amigo. Mas quando Julien acaba preso, Albertine precisará fazer tudo o que for necessário para sobreviver nas ruas de Paris. Astrágalo (L’Astragale, França, 2016), de Brigitte Sy.Drama. 97 min.

captura_de_tela_2016-03-04_as_16.36.30É o amor

Odile (Astrid Adverbe) é casada com Jean (Julien Lucq) e suspeita que o marido a está traindo. Com esse palpite, ela decide se vingar dele da mesma forma. O destino faz com que conheça Daniel (Pascal Cervo), um ator que mora com um ex-militar, Albert (Frédéric Karakozian). Apesar de Odile querer apenas punir o marido, sua relação com Daniel cria consequências inesperadas, fazendo com que os dois estajam ligados para sempre.(C’est L’amour, França, 2015), de Paul Vecchialidrama. 97 min.14 anos.

154727.jpg-r_640_600-b_1_d6d6d6-f_jpg-q_x-xxyxx

O presidente

Numa aldeia fictícia do Cáucaso, o Presidente em fuga tem apenas a companhia do neto de cinco anos. Um golpe de Estado aconteceu e o ditador agora circula pelas terras que um dia governou disfarçado de músico. Pela primeira vez ele se aproxima realmente da gente que por tanto tempo liderou, finalmente conhecendo aquele que era seu povo.(The president, Alemanha, França, Reino Unido, Geórgia, 2015), de Mohsen Makhmalbaf .Drama. 119 min.14 anos.