Crítica – A Ovelha Negra (2015)

566443.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxx

Solidariedade na tragédia

Indicado pela Islândia ao Oscar 2016 o longa explora o clima frio das montanhas e das cotidianas criações de ovelhas  símbolo cultural do país:são oitocentos mil para trezentos e vinte mil habitantes.Lá se desenvolve a sisuda relação entre dois irmãos vizinhos e pecuaristas que não se falam há mais de 40 anos ,mas se comunicam através de um cachorro.Devido a uma grave doença altamente contagiosa em suas ovelhas os dois acabam se unindo para tentar salvar o patrimônio da família  de varias gerações.A Ovelha Negra (Hrutar/ Rams, Islândia, 2015), de Grímur Hákonarson.Drama.93 min.14 anos. Nota :4,0.Nota - 04