Tambores de Angola

livro-tambores-de-angola-robson-pinheiro-redwood_MLB-F-3062941371_082012Um livro de Ângelo Inácio, psicografado por Robson Pinheiro. Educativo e reflexivo, esse romance adentra no universo da cultura espiritual brasileira para desmistificar a figura dos ditos “caboclos” e “pretos-velhos” que são tão mal compreendidos e, muita vezes, alvos de muitos pré-conceitos.

Dentro de uma trama que envolve os dois planos da vida, esse belo ramance possibilita também ampliar o conhecimento sobre o magnetismo, a fitoterapia e os “banhos de ervas”, além de observar o trabalho redentor dos espíritos – índios, negros, soldados, médicos – e de médiuns que demonstram não haver fronteiras para o amor e a caridade cristã. Por exemplo, o personagem principal é orientado por uma “mãe-velha” a ler O Livro dos Espíritos, de Allan Kardec, e o conduz a uma casa espírita, após livrar-lhe de um caso de grave obsessão.

No entanto, essa obra mediúnica enfrentou alguns desafios para ser publicada em nosso plano. Como ressalta Robson Pinheiro, no primeiro capítulo “os bastidores”, ele mesmo ficou um pouco apreensivo quando, na década de 90, recebera esse livro com um título e enredo “não-convencional” para o universo das publicações espíritas da época. Quando então Robson Pinheiro apresentou uma cópia para Franscisco Cândido Xavier, em 1997 (antes da publicação da primeira edição), Chico olhou para livro e disse:

“- É, meu filho, este livro tinha de vir. Já era para ter sido psicografado por outro médium, mas não foi possível. (…) Mas o livro tem que sair. Quem dera se eu fosse recebido por esses pretos-velhos de que fala o livro quando eu desencarnasse… ficaria muito feliz.” (p. 25)

Esse livro, como toda a coleção de três volumes denominada de “Segredos de Aruanda”, você pode encontrar na livraria da Casa do Caminho.